Na ação, moradores e voluntários organizam “mudança social” a partir das favelas

Algumas mudanças exigem inquietação e porque não dizer transtornos? Mas quando a mudança é social, não devemos ter desculpas para agir. Esse é o conceito da campanha “Estamos de Mudança”, da organização internacional TETO Brasil. Nela, moradores e voluntários da ONG se juntam para organizar uma mudança que exige muito esforço e a participação de um grande número de pessoas.

Criada pela agência Image 360, a campanha apresenta a organização de uma mudança liderada pelos moradores e moradoras das favelas, que também conta com a participação dos voluntários do TETO. Nas caixas de mudança que eles carregam estão problemáticas a serem transformadas, como a moradia inadequada, o saneamento básico e a desigualdade social. Nas peças e no vídeo, a sociedade recebe um convite: o de também fazer parte dessa mudança, sem criar desculpas pelo transtorno. Ao acessar o site www.estamosdemudanca.com, a pessoa encontrará diversas formas de fazer parte desta mudança social, seja se voluntariando para coleta nas ruas, que acontece durante os dias 23, 24 e 25 de agosto ou fazendo uma doação.

Empresas também podem se envolver através de ações de marketing de causa, matchfunding e coleta corporativo, já estão envolvidas as marcas OLX, Bcredi, Niantic, Catarse e MinD. O objetivo é arrecadar recursos para financiar projetos de moradia e infraestrutura nas favelas onde a organização atua. “Nos últimos anos tivemos um aumento do déficit habitacional e de pessoas indo morar em favelas. Esta realidade precisa ser transformada, por isso o TETO e os moradores resolveram se juntar nesta missão. Nossa mudança será no consciente das pessoas, e não iremos pedir desculpas por esse transtorno”, comenta a diretora executiva do TETO Brasil, Nina Scheliga.

Sobre o TETO
TETO é uma organização internacional que busca superar a situação de pobreza em que vivem milhões de pessoas nas favelas mais precárias, por meio do engajamento comunitário e mobilização de jovens voluntários. Com a implementação de um modelo de intervenção Focado no trabalho lado a lado com moradores de comunidades, o TETO conta com soluções de moradia e projetos de melhoria do entorno da comunidade, como a construção de casas emergenciais, associações comunitárias, reforma de acessos, projetos de pavimentação, além do fortalecimento de lideranças comunitárias e oficinas de direito. O TETO é associado à organização internacional TECHO, presente em 19 países da América Latina. Há mais de 10 anos no Brasil, a organização já trabalhou em mais de 120 comunidades, construiu mais 3.400 casas emergenciais, desenvolveu 30 projetos comunitários e mobilizou mais de 45 mil voluntários.