No último domingo, 17, foram encerradas as inscrições para o Projeto Legado 2019, programa de aceleração gratuito voltado para negócios e organizações socioambientais. A novidade desta edição é que registramos editais baixados em todos os estados brasileiros: foram 624 downloads.

Segundo o gestor do Projeto Legado, Álvaro Lagos, esses dados mostram a expressividade que o programa tem ganhado no ecossistema de empreendedorismo social brasileiro. “Queremos atingir cada vez mais iniciativas e fomentar o poder de transformação dos negócios de impacto”.

 

 

O edital deste ano abriu 25 vagas para organizações e negócios de impacto. Durante os 37 dias de divulgação, foram recebidas 158 inscrições em 18 estados, nas cinco regiões do país: Norte (5), Nordeste (6), Centro-Oeste (6), Sul (95) e Sudeste (46). A sétima edição do Projeto Legado também lançou um programa de incubação exclusivo para startups sociais, que recebeu inscrições de 21 candidatos.

Seleção

 

Durantes os meses de fevereiro e março, uma equipe de especialistas formada pelo Instituto Legado vai avaliar todas as fichas de inscrição recebidas para selecionar as 30 iniciativas que terão a oportunidade de receber mais de 80 horas de capacitações e mentorias, além de terem acesso à nossa rede de empreendedores e investidores sociais. Os resultado está previsto para o final de março.