Durante Mês da Mulher, Legado SocialWorking oferta atividades gratuitas destacando personalidades femininas que geram impacto socioambiental positivo. Atividades específicas para sensibilização masculina  também estão previstas na programação.

O Legado SocialWorking vai integrar os debates em lembrança do Mês da Mulher com uma série de atividades que integram o 1º Festival Legado Delas, evento inédito para celebrar o impacto socioambiental positivo gerado pelas mulheres. A partir de 08 de março, Dia Internacional da Mulher, o Legado SocialWorking, abre as portas para comunidade em uma série de eventos, palestras, exposições e debates sobre o papel das mulheres na transformação do mundo. Todos os fornecedores e apoiadores da programação são organizações, empresas e pessoas engajadas na transformação social e na conservação do meio ambiente.

“Ao longo de seis anos de atuação, capacitando mais de 160 organizações de todo Brasil, percebemos que as mulheres exercem papel de liderança em projetos que existem para resolver problemas sociais e ambientais, de ordem local ou global”, afirma Glaucia Marins, co-fundadora do Instituto Legado e palestrante da abertura do festival. “Onde existe empreendedorismo social existem mulheres trabalhando, com muita dedicação, sensibilidade, mas também muita competência, profissionalismo e ética”, completa.

Oito atividades em diferentes formatos e abordagens ao longo de 20 dias compõem o Festival Legado Delas. “Queremos mostrar a diversidade de temas nos quais elas atuam, mostrar o legado delas para o mundo e lembrar que o Instituto Legado também é delas”, comenta Julyanna Costa, gestora da instituição. Além do conteúdo programático, o festival vai proporcionar momentos de networking entre os participantes e dinâmicas que pretendem tornar a programação mais interativa e rica. “Será um prazer participar com estas mulheres incríveis”, afirma Cláudia Rodrigues, coordenadora da Elo Apoio Social e Ambiental e convidada para um dos painéis. Haverá ainda exposição fotográfica, música ao vivo e exibição de documentário. Tudo, é claro, pensado por elas.

Momento He for She

O foco do Festival Legado Delas são as mulheres e a palavra estará com elas, é claro, mas os homens também são convidados a participar do diálogo e assumir posições que garantam os direitos das mulheres. A expectativa é que eles venham ouvir o que elas têm a dizer, que juntos troquem ideias e possam refletir sobre a construção de uma sociedade que não discrimina mulheres. Além disso, alguns momentos especiais estão sendo preparados justamente para conscientização deles a respeito da disparidade ainda existente em tantos âmbitos sociais: segundo dados da Oxfam as mulheres ganham 23% menos que os homens e eles detêm 50% a mais da riqueza total do que elas.

“Alguns comportamentos ditos de homem estão associados à opressão, à superioridade, à violência e foram naturalizados em nossa sociedade. Integrar os homens no debate sobre equidade de gênero é necessário para rompermos com esses padrões e  pensarmos em formas de construirmos uma sociedade mais justa”, comenta Michele Bravos, fundadora do Instituto Aurora, que vai enriquecer o Festival com uma roda de conversa sobre assédio sexual facilitada por um homem, além de proporcionar um bate-papo sobre masculinidades não-violentas.

Todas as atividades acontecerão no Legado SocialWorking, no Cabral, e têm entrada franca. Negócios sociais fornecerão lanches e outros produtos produzidos por iniciativas de impacto. Toda renda será revertida para as atividades sociais realizadas por essas organizações. Confira a programação e inscreva-se:

Programação: Festival Legado Delas: celebrando o impacto feminino no mundo

08/03 – Abertura e Roda de Conversa sobre Empreendedorismo Social Feminino
A partir das 17h – Happy Hour
Networking, música ao vivo com Giovana Bertoldi e Mariana Marins

18h30 – Empreendedorismo Social e Autoconhecimento
Palestra com Gláucia Marins, fundadora e vice-presidente do Instituto Legado

19h30 – Empreendedorismo Social Feminino – desafios e conquistas
Roda de conversa com Empreendedoras Sociais que participaram de uma das seis edições do Projeto Legado. Convidadas: Adriana Tenório (Associação Menino Deus, PL 2013), Kauanna Batista (OPPH, PL 2014); Cláudia Rodrigues (Elo Apoio Social e Ambiental, PL 2015); Rosimeri Benites (AAMPARA, PL 2016); Arlete Scheleider (WAAS, PL 2017); Tatiane Barbosa (CriarUm; PL 2018).

13/3, às 19h30 – Debate – Como o desenvolvimento de lideranças femininas gera impacto: case Dona de Mim

Bate-papo com com Caroline Busato e Wisma, idealizadoras do Workshop Dona de Mim, que já impactou 115 mulheres em duas edições. Caroline Busatto é profissional de desenvolvimento de negócios e de pessoas e fundadora da Inside Lab, artista circense e ativista pela liderança autêntica. Wisma Goulart é fundadora da Wikend Travel, agência de viagens de experiências e cofundadora e CEO das startups NOVU e UniNOVU. Participa de projetos sociais de desenvolvimento do empreendedorismo e empoderamento feminino.

18/3, às 19h30 – Saúde feminina: aprenda hábitos e exercícios para prevenir a incontinência urinária

Você sabia que boa parte da população feminina sofre com incontinência urinária? Esse é um problema geral com graves consequências para saúde e vida social da mulher, mas devido a vergonha poucas mulheres falam sobre o assunto. Venha participar do workshop do Projeto Fluir e descubra como prevenir esse problema desde cedo. A palestra será ministrada por uma equipe de profissionais de saúde especialistas no assunto. Apoio: Clifame Medicina e Odontologia. Equipe Fluir: Gisela Maria Assis, Enfermeira. Estomaterapeuta. Mestre em Tecnologia em Saúde. Doutoranda em Enfermagem. Franciele Freitas, Enfermeira. Estomaterapeuta. Mestre em Medicina interna ciências da Saúde. Camilla Pinheiro Cristaldi da Silva, Enfermeira, Pós-graduanda em estomaterapia

19/3, às 19h30 – Palestra Empodere seu Eu e descubra seu propósito

Palestra ministrada pela master coach Mônica Moraes Vialle, da MOOM Consultoria. É autora de artigos em três publicações: Minha História com Coaching, Vida com Propósito e Mudança de Mindset.

21/3, às 19h30 – Lançamento da Exposição “Sobre Mulheres e Icebergs”

O mundo é uma festa, mas o gelo está acabando. O que as mulheres têm a ver com isso? Natalie Unterstell foi a primeira brasileira a participar de uma expedição só de cientistas mulheres à Antártida. Foram 21 dias a bordo no navio MV Ushuaia, com 80 mulheres de 33 países. Ela foi, registrou tudo e voltou com fotos e experiências lindas para compartilhar. Apoio: Christiane Hoffrichter

22/3, às 19h30- Cine Social: Chega de Fiu-fiu

Com apoio do Instituto Aurora, haverá um momento eles por elas. Após a exibição do documentário sobre assédio sexual, um homem irá facilitar uma roda de conversa

26/3, às 19h30 – Roda de Conversa com ELES: “Abrindo mão da performance”

Quais desafios e exigências o machismo impõe à masculinidade? Roda de conversa com homens.

27/3, às 19h30 – Roda de Conversa com ELAS: “Abrindo mão da performance”

Quais desafios e exigências o machismo impõe às mulheres? Roda de conversa com mulheres.

Serviço: Festival Legado Delas
De 8 a 27 de março
Rua Professor Arthur Loyola, 96 – Cabral – Curitiba
Entrada gratuita
Inscrições aqui
Mais informações: institutolegado.org