Início/Projeto Legado/Projeto Legado 2017 tem inscrições prorrogadas para 19 de março

Projeto Legado 2017 tem inscrições prorrogadas para 19 de março

A quinta edição do programa de aceleração do terceiro setor busca empreendedores sociais que trabalhem em prol do desenvolvimento social das comunidades

Empreendedores sociais de todo o país terão uma nova chance de participar da 5ª edição do Projeto Legado 2017. O programa de aceleração do terceiro setor, oferecido gratuitamente pelo Instituto Legado, teve as inscrições prorrogadas para o próximo domingo, dia 19 de março, no site https://institutolegado.org/pl17/. O edital vai contemplar 40 organizações que, além de receberem uma série de capacitações ao longo do ano, terão a chance de disputar três prêmios no valor de R$ 10 mil cada para investir em projetos e ampliar o impacto social dos trabalhos desenvolvidos.

Embora o programa seja de abrangência nacional, a prioridade do edital 2017 é atingir organizações sociais dispostas a mudar a realidade de 25 municípios da Região Metropolitana de Curitiba e proximidades que ocupam as piores posições no ranking do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do IBGE. “Nossa meta é democratizar o conhecimento que ofertamos e sabemos que investir nessas regiões que são geograficamente próximas de nossa atuação, mas socialmente distantes é a melhor estratégia para quem pensa em impacto social”, explica Beatriz Groxco, gestora do Projeto Legado e idealizadora da força-tarefa em busca de iniciativas sociais das cidades com pior IDH do Paraná.

Saiba como participar

Podem se inscrever associações, organizações não governamentais, fundações, institutos e negócios sociais de todo o Brasil que tenham no mínimo um ano de funcionamento. Os interessados devem preencher um questionário online no site do Instituto Legado (https://institutolegado.org/pl17/) e enviar um vídeo de 2 minutos. Não há cobrança de nenhuma taxa. O edital completo, com todos os pré-requisitos e exigências, pode ser acessado no site oficial.

Em quatro anos de atuação, o programa de aceleração do terceiro setor já capacitou e apoiou gratuitamente 80 iniciativas com propósito social e/ou ambiental lideradas por organizações da sociedade civil, empresas com propósito social e empreendedores sociais, fortalecendo e inspirando o empreendedorismo no setor social.

O curso gratuito com duração de um ano inclui capacitação nas diversas áreas que compreendem a administração de uma organização social, com conceitos de gestão, legislação, captação de recursos e comunicação. Além do conteúdo programático, o projeto pretende conectar pessoas com objetivos em comum em eventos de rede que reúnem todas as iniciativas já atendidas pelo instituto, além de outras iniciativas parceiras e referenciais. Os participantes têm ainda acesso a assessorias especializadas que prestam suporte para solução de determinadas demandas e são incentivados por meio de desafios temáticos, que os estimula a praticar o conteúdo aprendido. O Projeto Legado 2017 tem abertura oficial dia 28 de março e encerramento no fim de novembro.

Projeto Legado dobra número de vagas e amplia atividades

Desde 2013, o Projeto Legado seleciona, capacita e investe em 20 organizações por ano, especialmente de Curitiba e Região Metropolitana. Na última edição, o programa expandiu e abriu o edital para todo o país, recebendo inscrições de todas as regiões. Para 2017 o passo deve ser ainda mais largo: o edital prevê a seleção inicial de 40 nomes, proporcionando que mais iniciativas sejam beneficiadas. Durante a primeira fase do programa, as participantes receberão cerca de 60h em treinamentos e serão reavaliadas para encaminhamento para a segunda fase. Na etapa seguinte, as selecionadas serão divididas em dois grupos, de acordo com a realidade e a fase de desenvolvimento. Aquelas julgadas mais aptas, serão preparadas ao longo do segundo semestre para a expansão de impacto e a possibilidade de conquistar um prêmio financeiro no valor de R$ 10 mil que irá auxiliar na execução das soluções para as causas sociais em que atuam.

A segunda metade da turma será encaminhada para a fase de fortalecimento organizacional, com conteúdos próprios para consolidação de suas organizações. Essa fase não existia nas edições anteriores do Legado e está sendo implantada com o objetivo de dar ainda mais subsídio para que as beneficiadas cresçam e ampliem sua atuação. “O nosso objetivo é proporcionar meios eficazes para ampliar significativamente o impacto de iniciativas sociais, com capacitações estratégicas, rede de mentores e padrinhos, desafios práticos e possibilidade de investimento financeiro ao final do processo de aprendizagem”, ressalta Beatriz Groxco.

Saiba mais em www.institutolegado.org

14/03/2017|Projeto Legado|