Início/Rede/Abandono e acolhimento familiar são temas de evento organizado pela ONG Pontes de Amor com o apoio do Instituto Legado

Abandono e acolhimento familiar são temas de evento organizado pela ONG Pontes de Amor com o apoio do Instituto Legado

A ONG Pontes de Amor realiza nos dias 2 e 3 de junho, em Minas Gerais, o IV Encontro de Parentalidade e Adoção e o I Simpósio de Acolhimento Familiar, evento organizado em parceria com a Escola Judicial Edésio Fernandes e o Programa Família Acolhedora-Missão Sal da Terra. O Instituto Legado é apoiador da iniciativa por entender a importância de proteger crianças e adolescentes em situação de abandono para que tenham a possibilidade de viver em um ambiente propício ao seu desenvolvimento. A organização de empreendedorismo social estará representada por sua gestora de projetos sociais, Beatriz Groxco.

Com o tema “Do abandono ao Acolhimento”, o encontro é gratuito e tem o objetivo de gerar reflexões sobre a adoção legal e a convivência familiar e comunitária de crianças e adolescentes em situação de institucionalização. Aos diferentes profissionais envolvidos em processos de adoção, também serão fornecidos instrumentos que possam conferir mais segurança, celeridade e efetividade na prestação jurisdicional.

Os participantes poderão assistir a workshops e palestras com mais de 15 especialistas, entre eles, o Promotor de Justiça do Estado de Minas Gerais, André Tuma, o Promotor de Justiça da Infância e Juventude de Uberlândia, Epaminondas da Costa, a Secretária de Desenvolvimento Social e do Trabalho em Uberlândia, Iracema Marques, e os fundadores da Pontes de Amor, Sara Vargas e Rodrigo Rangel e Pereira. Os convidados vão trabalhar temas como requisitos para avaliação e acompanhamento na reintegração familiar e adoção, convivência familiar, abandono e devolução, apadrinhamento afetivo e sistema de garantia de direitos.

Segundo dados do Cadastro Nacional de Adoção, no Brasil há 7.601 crianças e adolescentes esperando uma família para serem adotadas. Dessas, 65,6% são pardas ou negras e 47,8% estão entre 12 e 17 anos. São Paulo é o Estado onde há mais crianças e adolescentes na fila de adoção (1.625), seguido de Rio Grande do Sul (1.132), Paraná (898) e Minas Gerais (846).

IV Encontro de Parentalidade e Adoção
I Simpósio de Acolhimento Familiar
Data: 2 e 3 de junho
Local: Sal da Terra – Av. Marcos de Freitas Costa, 553, Daniel Fonseca – Uberlândia/MG
Inscrições: Serão recebidas pelo site https://goo.gl/GYiXgr (vagas são limitadas)
Mais informações:
www.pontesdeamor.org.br
pontesdeamorsecretaria@gmail.com
Fone: (34)3235 5615

Sobre a Pontes de Amor

Criada em 2012, a Pontes de Amor é uma Organização Filantrópica sem fins lucrativos, filiada à Associação Nacional dos Grupos de Apoio à Adoção (ANGAAD). Surgiu diante da preocupação com a garantia dos direitos de crianças/adolescentes à convivência familiar, dando atenção especial aos institucionalizados e empenhando-se para minimizar os altos índices de devolução de crianças por famílias adotivas no Brasil e de crises familiares no pós-adoção por falta de apoio, acompanhamento psicológico, psicopedagógico. Em 2016 recebeu capacitação e investimento financeiro do Instituto Legado ao participar da quarta edição do Projeto Legado.

Sobre o Instituto Legado

O Instituto Legado de Empreendedorismo Social atua em três frentes estratégicas: Capacitação, Educação Formal e Fortalecimento de Rede. A capacitação é executada por meio do Projeto Legado, um programa que seleciona, capacita, conecta e investe em organizações sociais de alto potencial de impacto. Em sua quinta edição, o projeto já apoiou 80 organizações sociais e ambientais. A segunda frente é a Educação Formal que, em parceria com a FAE Business School e o Amani Institute, estruturou a primeira pós-graduação em empreendedorismo e negócios sociais do Sul do Brasil. A terceira frente é o Fortalecimento de Rede, que promove e apoia ações sobre Empreendedorismo, Inovação, Negócios Sociais e Investimento de Impacto com a intenção de tornar Curitiba polo de discussões de relevância nacional e internacional, e que trouxe, em 2015, o vencedor do Prêmio Nobel da Paz, Muhammad Yunus, para Curitiba pela primeira vez. Para ajudar o fortalecimento da rede, foi criado o Legado Socialworking, um coworking exclusivo para negócios sociais. Saiba mais em https://institutolegado.org

26/05/2017|Rede|